sábado, 12 de agosto de 2017

Amazonino também lidera 2º turno: 65% x 35%

 
Com 65%, ex-governador tem tudo para voltar ao cargo no Amazonas
 

Amazonino Mendes (PDT) já pode mandar fazer o terno da posse: se a eleição suplementar de segundo turno para o governo do Amazonas fosse realizada hoje, ele receberia 65% dos votos válidos, contra apenas 35% do rival Eduardo Braga (PMDB). A pesquisa do instituto DMP, da Rede Tiradentes, tem 2,8% de margem de erro, para mais e para menos, e está registrada na Justiça Eleitoral sob nº AM-07699. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

No primeiro turno, o DMP registrou impressionante precisão ao prever 38,4% para Amazonino. Apurados os votos, ele teve 38,7% dos votos. Considerando o total de votos, Amazonino teria 45% e, com 24%, Eduardo tem o mesmo percentual de "nenhum". Não sabem 6%. O levantamento com vistas ao segundo turno no Amazonas ocorreu entre segunda (07/08) e esta sexta (11/08), e entrevistou 1.204 eleitores. Apesar de filiado ao PDT, Amazonino tem apoio amplo, incluindo o PSD do senador Omar Aziz e o Democratas do deputado Pauderney Avelino.

Postar um comentário